Comentários [0]

Os vinhos espanhóis, em firme aposta para conquistar novos mercados, aumentaram em 2013 a presença no Brasil, apesar da redução das importações durante o último ano no país, ressaltaram nesta quinta-feira fontes do setor.

vinhoespanhol

Nos últimos anos, o vinho importado que mais cresceu no Brasil foi o espanhol, com um avanço de 7,15% em 2013, enquanto as importações do produto caíram 3,22% no ano passado, de acordo com os números apresentados pela campanha “Vinhos da Espanha”, promovida pela embaixada espanhola.

O aumento de sua presença no Brasil ratifica a posição da Espanha em 2013 como o maior exportador mundial de vinhos. Uma das estratégias no mercado brasileiro, dominado por marcas da Argentina e do Chile beneficiadas pelo Mercosul, foi a oferta de vinhos de qualidade a preços mais baixos do que o dos outros países europeus e a promoção em eventos e feiras com o apoio da Câmara Oficial Espanhola de Comércio no Brasil.

Para o exportador e representante da Adega Señorio de Sarria, Jordi Mesa, o consumo do vinho espanhol é associado pelos brasileiros ao hábito de ser acompanhamento das famosas “tapas”.

Nesse sentido, o consumo de vinho no Brasil pode ser associado à degustação de sanduíches tradicionais da culinária local, apontou o exportador espanhol, que promove, entre outros, o vinho nº5 Garnacha, apresentado em São Paulo com uma sopa de castanhas.

Garanta sua fatia nesse mercado. Os clientes do seu restaurante merecem o melhor. Para isso, use a Adega de Vinhos Preta 33 Garrafas MWC33 Midea. Com capacidade para 33 garrafas, controle de temperatura e design moderno, a Adega MWC33 Midea possui ainda painel Touch Control, com controle digital da temperatura para melhor controle das funções e da temperatura sem a necessidade de abrir a porta, e ajustes específicos para cada tipo de vinho, branco, tinto e espumante, de 5 a 18°C.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 6 de maio de 2015.

Comentários [0]

Curte tomar um bom vinho enquanto se delicia com aquele jantar especial? A Catral vai provar pra você que não precisa gastar muito para ter uma bebida excelente na mesa, e trouxe uma lista da sommelière Alexandra Corvo com vinhos que custam até R$ 90. Confira!

 

 

1. Grüner Veltliner Kamptaler Terrasen, safra 2007: Produzido por Wilhelm Bründlmayer, na região de Kamptal, Áustria, o vinho é seco e tem boa acidez. É importado para o Brasil pela Mistral e custa, em média, R$ 72.

 

2. Naousa Reserve, safra 2004: Feito da uva Xynomavro, na Macedônia, norte da Grécia. Esse vinho é  encorpado, com notas de vermute e ameixa preta seca. “Na boca, o vinho tem ótimo volume, cremoso, tânico, firme e ácido”, segundo Alexandra Corvo. É importado pela LPH Brasil, e custa cerca de R$ 25.

 

3. Vinã Alberdi Reserva, safra 2003: Produzido pelo grupo espanhol La Rioja Alta, esse vinho tem toques de caramelo, casca de laranja e notas de baunilha. É importado pela Zahil e custa R$ 62.

 

4. Les Bretèches, safra 2007: Libanês, esse vinho tem aroma de chá preto, camomila e especiarias. O sabor tem boa acidez, taninos finos e estilo mais delicado. Pode ser encontrado na importadora Zahil e custa r$ 49.

 

5. Juan Carrau Tannat de Reserva, safra 2007: Produzido no Uruguai, tem aromas que lembram carne torrada, mas bem sutil elegante. É importado para o Brasil pela Zahil, e custa R$ 52.

 

6. Hecula Monastrell, safra 2005: Feito na Espanha, com uva Monastrell, é reconhecido como um dos melhores vinhos pela crítica especializada. “No aroma, começa com uma fruta preta, como ameixa. Aparecem notas minerais e o sabor é de muito tanino, firme”, afirma Alexandra Corvo. É importado pela Península e custa R$ 65.

 

 

Gostou da seleção? Na Catral você encontra diversos acessórios para saborear melhor o seu vinho, como anel de aço para garrafa, jogo para vinho, adegas e muito mais! E você pode comprar tudo pelo nosso site, com frete grátis para as regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste, em compras acima de R$ 299,90. Aproveite!

 

Zé Catral

Fonte:  Revista Exame.
Foto: Divulgação.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 4 de janeiro de 2013.

Busca
Mais consultados
Conheça o nosso site
Vídeos
Curta nossa Fanpage
Siga-nos no Twitter
Ofertas exclusivas por e-mail