Comentários [0]

Ainda na onda dos alimentos saudáveis, surge um novo conceito em alta no Brasil. As padarias orgânicas, onde todos os alimentos são orgânicos, são uma opção saudável para quem se preocupa com a alimentação e com a saúde.

 

Uma padaria orgânica possui um cardápio parecido com o de uma panificadora comum. São pães, sanduíches, bolos, salgados, cafés, sucos, doces, e assim por diante. No entanto, desde os ingredientes até as bebidas, tudo é preparado com ingredientes livres de agrotóxicos. A cultura orgânica é um estilo de vida e a preocupação em oferecer produtos naturais e saudáveis é levada a sério pelos proprietários de padarias orgânicas.

Os leites e queijos veem de animais que vivem em pastagens naturais. As tortas de maçã são vendidas somente nos meses de fevereiro a abril, quando é época da fruta. Em dezembro, é iniciada a produção de panetones naturais, à base de fermento caseiro, sem essências ou frutas cristalizadas, mas sim com uva-passa, damasco e amêndoas. Pode parecer que a ideia demore um pouco para pegar, mas com alguma conversa os clientes passaram a respeitar esse processo natural.

No cardápio das padarias orgânicas podemos encontrar sal do Himalaia, saladas com flores comestíveis, gougére (pão de queijo com tomilho e pimenta rosa preparado com receita francesa), bolo de chocolate belga 70% cacau e recheado com lâminas de caramelo e sanduíches, como o croque monsieur com queijo emmental suíço e jamon serrano. No cardápio de bebidas, é possível escolher cafés, sucos, cervejas e vinhos especiais.

O investimento em um negócio orgânico costuma ser muito maior que o investimento que se faz em padarias convencionais, já que o valor dos produtos orgânicos ainda é caro, fazendo com que o custo da produção e dos alimentos seja elevado. Assim, tomar o café da manhã em uma padaria artesanal orgânica pode custar até R$ 30 por pessoa. Quem conhece aprova a iniciativa sustentável, e os empresários da área estimam que a padaria orgânica só tem a crescer.

 
Zé Catral
 
Fonte: Perfecta
Foto: Divulgação

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 20 de agosto de 2012.

Comentários [0]

Carnes de animais silvestres voltam às cozinhas de restaurantes nacionais. Algumas, tidas como nobres, chegam a custar até R$ 250 o quilo. Saiba mais sobre a tendência aqui.

Zé Catral
 
Fonte: Cozinha Profissional
Foto: Divulgação
 
 

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 10 de agosto de 2012.

Comentários [0]

Estudo da GS&MD Gouvêa de Souza apontou novas tendências para o setor de alimentação. Dentre as principais tendências estão: a consolidação da refeição em padarias, a evolução dos restaurantes das lojas de conveniência, o aumento de estabelecimentos que servem comida por quilo, dentre outras. Confira a lista completa aqui.

 
Zé Catral
 
Fonte: Abrasel
Foto: Divulgação

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 27 de julho de 2012.

Busca
Mais consultados
Conheça o nosso site
Vídeos
Curta nossa Fanpage
Siga-nos no Twitter
Ofertas exclusivas por e-mail