Comentários [0]

O layout da loja, com seus elementos de comunicação, tem função vendedora para o lojista. Para os consumidores, se torna um importante aliado de decisão nas compras. Dessa forma, os estabelecimentos devem buscar maior visibilidade para aqueles alimentos que estão sendo alvo de escolhas que prestigiem saúde e bem-estar, pois essa é uma das tendências de consumo.

 Rotular alimentos

Nesta direção, a movimentação da indústria já começou. O setor está adequando seus produtos não só na composição dos alimentos, como também na comunicação das embalagens. Grandes redes varejistas estão adotando uma comunicação mais efetiva da funcionalidade dos alimentos a partir da exposição dos produtos e, nesse sentido, o pequeno varejo não pode ficar para trás.

Se saúde e bem-estar é tendência, resta ao pequeno varejo atentar-se para organizar o ponto de venda, sinalizando e comunicando de forma mais enfática a presença de alimentos com propriedades que melhoram a funcionalidade do organismo.

A influência do layout no processo de escolha

Recentemente, uma pesquisa publicada no American Journal of Preventive Medicine, que teve início em 2010, comprovou a influência das cores na escolha de alimentos. Durante dois anos, foram utilizadas as cores que sinalizam o trânsito de veículos e pedestres no layout de uma lanchonete de um hospital de Massachusetts.

Os alimentos foram rotulados com as cores vermelho (alto valor calórico), amarelo (demandam cuidado) e verde (alimentos saudáveis) e, devido a essa intervenção, os clientes passaram a consumir aqueles mais ricos em nutrientes. A experiência de rotular alimentos por seu valor calórico ajudou a aumentar o consumo de alimentos saudáveis em até 20%.

Seu mercado pode lucrar com isso. Dispor produtos saudáveis na mesma gôndola do mesmo produto “normal” mostra aos consumidores que você vende produtos saudáveis. Escondê-los em uma gôndola específica os deixam isolados e muitos clientes podem nem passar por eles.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 18 de junho de 2015.

Comentários [0]

Em 2014, o tíquete médio de compra de alimentos e bebidas saudáveis subiu 13,5%. Entre esses produtos, o mais popular é o de produtos integrais. Já é possível encontrar nas prateleiras dos supermercados de massas e arroz integrais a biscoitos e pães. O supermercadista pode – e deve – incentivar a compra desses produtos que, em muitos casos, oferecem uma boa margem líquida de lucro. No caso do arroz integral, por exemplo, o percentual gira em torno de 25%. Confira as dicas abaixo de como aproveitar a onda e vender mais.

shutterstock_265176638

1) Informe os benefícios dos integrais ao consumidor

A principal dificuldade para elevar as vendas de integrais é a falta de conhecimento do consumidor sobre os benefícios à saúde. Isso desestimula a compra quando o shopper compara o preço com as versões normais. A recomendação é utilizar a mídia para divulgar as vantagens desses alimentos ao organismo. No ponto de venda, o ideal é utilizar degustação e material de comunicação como suporte a essa divulgação.

2) Exponha na gôndola natural

Não é recomendado expor esses produtos apenas na seção de itens saudáveis. Essa prática faz com que sejam vistos como produtos de nicho. O ideal é expor também no mesmo corredor onde ficam suas versões tradicionais. Por exemplo: o pão integral junto com a versão normal, o arroz integral ao lado do arroz branco. Em algumas lojas, a venda de pão integral ultrapassa do branco, pois são vistos como uma opção pelos shoppers que querem ter uma alimentação saudável. Outro benefício de fazer a exposição dessa maneira é que reforça a ideia de que a loja não oferece apenas a ‘commodity’, mas também itens diferenciados. Quando as categorias ficam numa seção especial, se o consumidor não está habituado a frequentá-la, pode ocorrer de ele nem ficar sabendo que a loja trabalha com esses produtos.

3) Comece com itens de maior giro

Para quem ainda não trabalha com integrais, introduza o segmento em categorias de maior giro, como arroz e açúcar, além de alguns cereais matinais. O ideal é começar com um mix pequeno, identificando a presença deles na gôndola e ressaltando suas vantagens à saúde. Lojas que possuem uma seção de alimentos saudáveis devem ter uma boa comunicação visual para chamar a atenção. Dessa forma, o consumidor acaba conhecendo todo o mix de integrais oferecidos pelo supermercado, impulsionando assim as vendas em diversas categorias.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 9 de junho de 2015.

Comentários [1]

Um dos maiores vilões dos negócios do setor de alimentação fora do lar é o desperdício é. Por mais que esse mercado tenha se profissionalizado, ainda é comum vermos muitos restaurantes, rotisserias, padarias e lanchonetes fecharem as portas devido à baixa lucratividade, apesar de possuir um bom movimento. Isso ocorre não só em estabelecimentos de rua, mas também supermercados.

shutterstock_92894512

Atento ao fato, o Sebrae-DF desenvolveu um programa 5 Menos que são Mais, voltado a ajudar os proprietários a resolver esse problema de forma sustentável. O segredo da ação está em ir direto aos principais focos de desperdício: água, energia, resíduo e matéria-prima. Os resultados vão de aumento da competitividade, satisfação do consumidor e produtividade à qualidade ambiental, já que uma das metas do programa é reduzir a poluição gerada pelos estabelecimentos. Entre as ações adotadas e que ajudam a reduzir o problema estão:

*Uso de alimentos pré-processados, como batata congelada para fritar. Essa é uma maneira de reduzir o gasto de óleo e evitar o desperdício de alimentos in natura. Afinal, não será mais necessário descascar grandes quantidades do produto, a fim de agilizar seu processo de preparo.

*Uso de pulverizador para aplicar detergente líquido nas louças. Assim, evita-se o excesso de uso do produto. O mesmo pode ser feito com outros itens de limpeza.

*O que também ajuda a diminuir o gasto de produtos de limpeza e de água é deixar os pratos e talheres mergulhados em uma solução de 20 litros de água, uma colher de cloro e uma de detergente, antes de serem lavados.

*Trocar lâmpadas incandescentes por fluorescentes é uma maneira de baixar a conta de energia elétrica.

*Outra dica é afastar em cerca de 10 cm os freezers e geladeiras da parede. Eles esquentam menos e puxam menos energia. Além disso, a medida ajuda a melhorar seu funcionamento.

*Evitar o uso de benjamins também é importante. Eles puxam muito mais energia do que se os mesmos equipamentos estivessem ligados em tomadas individuais.

*Diminuir a quantidade de opções de alimentos oferecidas por dia é uma medida para evitar desperdícios. Em contrapartida, aumente a variedade durante a semana.

*Trocar as vasilhas expositoras por recipientes menores após o horário de maior movimento é outra ação para reduzir perdas de alimentos.

As dicas são simples e fáceis de serem incorporadas à rotina dos estabelecimentos. Então, não perca tempo. Treine sua equipe. Afinal, rotisserias, padarias, lanchonetes e restaurantes são ótimos negócios para serem incorporados a um supermercado, pois ajudam a atrair mais clientela e a aumentar a rentabilidade da loja. Além disso, o mercado food service vai crescer um bocado nos próximos anos impulsionado pelo aumento da renda e pela falta de tempo da população. Logo, você precisa garantir sua parte!

A Catral possui completa linha de equipamentos, automação e acessórios para você equipar seu supermercado com o que há de melhor. Confira: Supermercado Catral.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 4 de junho de 2015.

Comentários [0]

Já estamos na metade do outono e logo mais o inverno chega para ficar. Não existe hora melhor para inserir no mix do seu supermercado os produtos com mais saída nessa época fria do ano.

perfil_compra_supermercado_inverno

No lugar de camisetas e chinelos, entram as pantufas, roupas de moletom, edredons, cobertores e jaquetas; no lugar dos refrigerantes e sucos, cafés, chás e vinhos registram aumento na procura. Na área de eletro, o crescimento de vendas de aquecedores pode chegar a 70% de crescimento, em relação ao mesmo período do ano passado.

A queda de temperatura é a ignição para o movimento crescente no setor de adega. A tradição de queijos e vinhos pode resultar em crescimento superior a 10% em relação ao mesmo período do ano passado. Os dias frios também estimulam o consumo de outros itens, como massas, café, sopas industrializadas e de fabricação própria, ingredientes para feijoada e legumes. Como não poderia ser diferente, o destaque nos supermercados também fica com a área de eletro, onde o crescimento pela procura de aquecedores pode ser der até 70% em relação ao mesmo período do ano passado. Já as cafeteiras também têm tradição de alta, chegando a 20% de crescimento nas vendas.

Com o clima mais frio, também é comum o aumento no consumo de chocolates de todos os tipos. Seja em barra, para que os clientes possam realizar noites de fondue em casa com os amigos, seja derretido, para consumo na loja. A Derretedeira de Chocolate Chocofrutas Universal, com temperatura controlada por termostato automático, é projetada para o banho de frutas no palito. Para vendas ou degustação, a Derretedeira será um sucesso.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 1 de maio de 2015.

Comentários [0]

Mais um Dia das Mães se aproxima. Por ser a data vice-campeã de vendas no varejo – perde apenas para o Natal –, costuma ser explorada com promoções que visam apenas ao aumento de vendas.

Dia_Maes_Supermercado

Lojas que trabalham com presentes, por exemplo, têm a faca e o queijo na mão no período. Porém no autosserviço elas são minoria. E se o varejista não enxerga oportunidades, acaba ignorando a data sem se dar conta de que poderia explorá-la de forma diferente. Uma ideia é criar ações cujo objetivo seja fidelizar clientes e valorizar a imagem.

Esse tipo de campanha faz o público se sentir especial. Como garantem resultado duradouro, tais iniciativas são até mais interessantes que as ações que buscam apenas aumento nas vendas. O ideal seria trabalhar as duas simultaneamente. Promover uma campanha diferenciada, voltada à emoção das pessoas, em datas sazonais é simples e pode sair mais barato do que você imagina. A dica é usar a criatividade e evitar a mesmice.

Para atender à data, a grande aposta do varejo para a data está concentrada em categoria já conhecidas, como Eletro, Bazar e Têxtil. No entanto, a busca por eletrodomésticos em inox, notebooks e TVs e monitores em LCD merecem o destaque e ganham a importância antes dada aos utensílios domésticos e equipamentos de cuidados pessoais.

Para garantir o lucro, não perca o controle do seu estoque. Mantenha seu inventário sempre em dia com o Leitor de Código de Barras a Laser Eclipse MK-5145 USB Preto Metrologic Honeywell. O MK5145 Eclipse é um leitor de código de barras laser de baixo custo, sendo uma ótima alternativa aos leitores CCD. Através do CodeSense, o feixe laser do MK5145 Eclipse detecta a presença de um código de barras e automaticamente altera o estado do leitor de pulsante para o modo de leitura, habilitando o CodeGate para uma leitura eficiente e precisa.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 3 de abril de 2015.

Comentários [0]

Agregar valor à categoria, oferecer praticidade aos consumidores e reduzir custos nas lojas. É com essas promessas que os fabricantes de frios têm ampliado suas linhas de produtos fatiados e embalados. Algumas redes já estão prevendo uma migração de parte do público para esse segmento. Em São Paulo e no Rio de Janeiro, a BRF já iniciou a distribuição da linha Soltíssimo, da marca Sadia. Ela vem em cinco versões: queijos muçarela e prato, presunto, mortadela e peito de peru. Foram investidos R$ 70 milhões em novos equipamentos e na modernização da fábrica em Tatuí (SP), para a produção de 12 toneladas diárias dos frios. Já a Ceratti gastou R$ 20 milhões na ampliação da planta de Vinhedo, também no interior de São Paulo, a fim de elevar a escala de sua linha de fatiados. A Piracanjuba, com distribuição concentrada no Centro-Oeste e Nordeste, também lançou novas linhas de seus principais queijos nesse formato.

Fatiados-em-crescimento

Outro diferencial das versões fatiadas pela indústria é que elas são fáceis de fechar e armazenar no Freezer Horizontal Dupla Ação 2 Portas 546L DA550B Metalfrio além de terem prazo maior de validade – de 30 a 60 dias, dependendo da marca. A quantidade na embalagem é normalmente padronizada em 150 g ou 200 g, conforme o fabricante. Essa gramatura corresponde aos volumes mais adquiridos pelo público nas compras do dia a dia. Com os preços mais elevados, a indústria afirma que esses produtos garantem margens maiores para os varejistas.

A partir de pesquisas com consumidores, foram definidas as espessuras ideais para cada tipo de frio. Os estudos revelaram que o público está disposto a pagar até 25% mais em frios que já venham nessas condições, sem precisar enfrentar a fila do fatiamento nos supermercados.

O aumento da demanda pelos fatiados da indústria poderá ajudar a reduzir problemas enfrentados quando o produto é manipulado na loja. Entre eles, perdas, risco de não cumprimento de normas da vigilância sanitária e custos com embalagens. Além da economia de tempo dos funcionários, ficou mais fácil para os compradores administrarem os pedidos e para armazenarmos os produtos no Freezer Horizontal Dupla Ação 2 Portas 546L DA550B Metalfrio.

Vale a pena acompanhar a evolução do segmento. Mas fique atento principalmente ao consumidor do seu supermercado. Sempre haverá um grupo que deseja uma embalagem maior ou menor ou que quer ver o corte ser feito na hora.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 30 de março de 2015.

Comentários [0]

Quando se entra em um supermercado, padaria ou farmácia, é possível observar pessoas comprando produtos nas diversas gôndolas em cada um de seus corredores. Como deve ser a organização destes produtos para melhorar o desempenho em vendas e, principalmente, lucratividade, levando-se em conta o comportamento dos clientes?

gondola_vendas_supermercado

Algumas empresas, como a Procter & Gamble, disseminaram o conceito da “hora da verdade”, que é o momento em que o comprador está na frente da Gôndola de Parede Venâncio e toma sua decisão de compra. Esta decisão é feita em questão de segundos, o que faz com que a estratégia no PDV deva ser considerada com cuidado. É claro que esta estratégia não invalida o esforço de comunicação na TV e em outros meios de comunicação, o que deverá continuar a ser feito, mas com foco no consumidor. No ambiente da loja, os esforços deverão estar centrados no comprador. Sendo assim, para maximizar as vendas e a lucratividade, a organização da Gôndola de Parede Venâncio deverá levar em consideração a forma como o comprador interage com as prateleiras e os produtos.

As pessoas compram produtos em prateleiras e, evidentemente, não gostam de se abaixar para pegá-los nem se esticar muito para alcançar os que estão mais em cima. É bastante natural que a prateleira na altura dos olhos seja o local de maior visibilidade. A posição central e que está na altura dos olhos é a parte mais nobre da Gôndola de Parede Venâncio. Por este motivo, a posição dos produtos na Gôndola de Parede Venâncio deverá ser mais bem explorada para aumentar a lucratividade. Os produtos de maior valor agregado e maior margem deverão ser posicionados na altura dos olhos e nas prateleiras superiores, para aumentar a chance de compra. Por sua vez, os produtos de maior giro, menor ticket médio e menor margem deverão ficar nas prateleiras inferiores.

Um questionamento comum ao se implantar este tipo de organização é o seguinte: “Mas as vendas dos produtos de alto giro não irá cair?”. Como os compradores já procuram estes produtos, eles irão vasculhar a Gôndola de Parede Venâncio antes de partirem para outro corredor. Agora imagine se os produtos mais vendidos ficassem na altura dos olhos. O que aconteceria? Os compradores se deparariam primeiro com eles e imediatamente os comprariam. Depois disso, seguiriam em frente para outro corredor e acabariam deixando de lado os produtos das prateleiras fora do seu campo de visão. Ou seja, colocar produtos de alto valor e margem na altura dos olhos ajuda a aumentar suas vendas sem canibalizar a venda dos itens de alto volume.

Em resumo, a reorganização da Gôndola de Parede Venâncio deve levar em conta a forma como o comprador a enxerga para aumentar o desempenho. Bastam pequenas mudanças para se atingir resultados melhores, o que deve ser feito na loja como um todo e em todas as categorias para se maximizar o ganho.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 23 de março de 2015.

Comentários [0]

Em busca de uma alimentação saudável, cada vez mais brasileiros tentam seguir uma dieta balanceada. A boa notícia para o varejo é que essas pessoas também estão dispostas a pagar mais por esses alimentos, e isso é ótimo para ajudar a elevar a rentabilidade de várias seções da loja. O problema é que muitos consumidores não sabem o que levar. Cabe aos supermercados orientar e ensinar esse público a consumir alimentos e bebidas mais saudáveis, além de criar ações de incentivo.

alimentos_saudaveis_supermercado

Se o espaço da loja permitir, reúna em um corredor produtos orgânicos e integrais industrializados. Caso contrário, uma alternativa é montar ilhas decoradas e usar gôndola de centro, como a Gôndola de Centro Inicial Versátil 1,65m VGCL16 Venâncio. Procure firmar parcerias com os fornecedores a fim de disponibilizar promotores para essa área. Eles podem ajudar a tirar dúvidas dos clientes e oferecer os produtos, além de ajudar na reposição dos produtos na Gôndola de Centro Inicial Venâncio.

Uma boa oportunidade são os chamados superalimentos. Eles são considerados dessa forma pelos nutricionais, pois oferecem mais benefícios à saúde do que a maioria dos produtos. Como vêm ganhando espaço na mídia, eles começam a ser mais procurados pelo público. Também nesse caso, vale a pena indicar a presença deles no supermercado. Alguns deles:

  • Amaranto
  • Chia
  • Goji Berry
  • Linhaça
  • Óleo de coco
  • Quinoa
  • Freekeh

Abasteça sua Gôndola de Centro Inicial VGCL16 Venâncio com esses superalimentos e boas vendas.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 20 de fevereiro de 2015.

Página 1 de 812345...Última »
Busca
Mais consultados
Conheça o nosso site
Vídeos
Curta nossa Fanpage
Siga-nos no Twitter
Ofertas exclusivas por e-mail