Comentários [0]

Já faz um tempão que você quer abrir um negócio, mas nunca toma a iniciativa? A Catral trouxe dicas do professor Marcelo Nakagawa, coordenador do Centro de Empreendedorismo do Insper, para te ajudar a tomar coragem e montar a sua empresa em 2013. Confira!

 

Portrait of a female executive

 

Primeiramente, é bom saber que qualquer negócio demora um certo tempo para abrir as portas. “O processo de abrir um negócio varia muito entre as empresas, mas pode levar de seis meses a um ano, dependendo do tipo de negócio”, afirma Nakagawa. Mas, para começar o quanto antes, você deve seguir os seguintes passos:

 

1. Conheça outros empreendedores e mantenha contato com eles. Você pode encontra-los em eventos de empreendedorismo, que são essenciais para quem já é empresário e para aqueles que estão precisando de inspiração para abrir uma empresa. Nesses encontros, você consegue adquirir conhecimento e conhecer sócios, parceiros e clientes.

 

2. Tenha planejamento. Comece traçando um plano de negócios para os próximos 5 anos, pesquise sobre o mercado e planeje as ações futuras. Assim, terá poucas chances de fracassar.

 

3. Encontre o sócio certo. Normalmente, novas empresas tem sempre dois sócios: um especialista em fazer, e outro em vender. Veja qual é a sua habilidade e encontre alguém especialista na outra, para não ficar sobrecarregado.

 

4. Faça uma previsão do fluxo de caixa da empresa. Coloque no papel questões financeiras importantes, como investimento, tempo de recuperação do valor investido e outros. Prepare-se para enfrentar as primeiras dificuldades, sem desistir facilmente da sua ideia por precisar voltar a ter um salário.

 

6. Organize o seu tempo. Antes de abrir o negócio, converse com a sua família sobre os seus objetivos e explique que na fase inicial, você vai precisar estar 100% dedicado à empresa e terá menos tempo para eles. Depois que o negócio conseguir se desenvolver de forma mais independente, você poderá equilibrar suas vidas pessoal e profissional.

 

7. Interaja com os seus clientes potenciais. Apesar de isso ser extremamente importante sempre, nos primeiros 6 meses, você vai precisar ficar mais ligado aos consumidores, visitando feiras e eventos voltados ao seu público, para conversar com as pessoas e mostrar o seu projeto.

 

8. Trabalhe com bons profissionais. Converse com outros empresários da área para saber quais empresas, profissionais e fornecedores são os mais indicados para o seu negócio.

 

9. Esteja de acordo com a lei. Registre seu negócio em todos os órgãos necessários, tire os alvarás de funcionamento, autorizações e outros documentos públicos, tudo antes de abrir as portas da empresa.

 

10. Inspire-se sempre. Para empreender, é necessário, primeiramente gostar da área de negócios escolhida e pesquisar muito, para ter informações de empreendedores que você admira e, assim, se inspirar neles.

 

E aí, as dicas te ajudaram e você decidiu correr atrás do seu sonho e empreender? Passe na Catral que, além de informações úteis, oferecemos os equipamentos mais modernos do mercado! Confira no site www.catral.com.br.

 

Zé Catral
Fonte: PEGN.

Foto: Divulgação.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 29 de abril de 2013.

Comentários [0]

Faz tempo que você está querendo abrir o seu próprio negócio, e até já fez pesquisas e criou o plano, como ensinamos aqui? A Catral trouxe 12 dicas de empresários para te ajudar a se dar bem nos negócios. Confira!

 

 

Walter Mancini, do restaurante Famiglia Mancini. “Quando você cria um negócio, precisa perseguir o seu sonho, e não a moeda”. “O dinheiro é consequência.” “Você tem que gostar do que faz”, ensina.

 

Pedro Chiamulera, da ClearSale: Priorize as pessoas. Entenda quais são as motivações do funcionário e dê oportunidade para que ele exerça suas verdadeiras vocações dentro da empresa.

 

Marcos Di Cunto, da loja Di Cunto: “Existem ciclos no negócio, momentos muito bons, outros nem tanto, e é preciso ter isso em mente. Se a ideia é montar uma empresa com sócios familiares, busque características complementares. Se todos que trabalham no negócio tiverem o mesmo foco, o resultado aparece”, diz.

 

Antonio De Franco, da escola De Franco: Aposte na tradição a faça questão de divulga-la como principal diferencial.

 

Cássio Piccolo, do Frangó: Planeje onde quer chegar com o negócio e defina metas. “Falar tudo para todos é falar nada para ninguém”, afirma.

 

Marquinhos, da Mercearia São Pedro: “Quem quer começar um negócio com os pés no chão não deve esperar colher os frutos de saída. Pode não dar certo num primeiro momento. A gente começou pequeno, mas eu nunca tive dúvidas sobre a atividade. E é o que acontece em qualquer profissão: se você se dedica, uma hora dá certo.”.

 

Trasso, do Acrópoles: Desenvolva uma experiência mínima no segmento, e monitore todas as áreas que fazem a empresa funcionar bem durante todos os dias da semana.

 

Osvaldo Nunes, da Chocolândia: Entenda que é necessário dedicar parte da sua vida para fazer a empresa dar certo.

 

Aleksandar Mandic, da Mandic: “Dia desses alguém me disse que em três anos pretendia abrir um restaurante. Eu falei para essa pessoa que ela já estava quebrada. A melhor estratégia é não gastar tempo com excesso de planejamento e ir à luta”, afirma Mandic.

 

Semaan Halim Mouawad, da Semaan: Não tenha preguiça de trabalhar e não se prenda numa sala distante de escritório, fique perto dos funcionários. “No escritório eu não vejo se o pessoal está trabalhando, não vejo os clientes”, observa.

 

Vagner Lefor, da Long Jump: “Nunca se deve tomar uma decisão nervoso. Tomar a decisão com o coração, com a emoção, não é bom. É preciso decidir com a razão. Claro que pode usar o coração, mas nunca com a adrenalina alta”, recomenda.

 

Sebastião Rosa, da Imaginarium: “Eu era um bom médico, tive formação fora do País, mas não tinha arquitetura emocional para ser médico”, admite. É preciso fazer o que gosta.

 

Outros textos da Catral que podem te ajudar:

 

4 dicas para montar o próprio negócio neste ano.

Saiba qual é a idade ideal para abrir seu próprio negócio.

 

E aí, o que achou das dicas? Se ver que está pronto para começar o seu negócio, visite a Catral pessoalmente ou veja os produtos pelo nosso site, e comece com os equipamentos mais modernos do mercado!

Zé Catral

Fonte:  Abrasel.
Foto: Divulgação.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 9 de janeiro de 2013.

Comentários [0]

Depois de trabalhar 25 anos como funcionário em multinacionais, o químico Eduardo Martinez de Almeida, de 47 anos, começou a planejar a abertura do seu próprio negócio.

 

Em 2008, mesmo sem capital inicial próprio, buscou crédito no banco e, com muito planejamento e um bom plano de negócios, conseguiu financiar o investimento total necessário para abertura, que na época foi cerca de R$ 400 mil. Desde essa época, sua empresa de cosméticos, Star Active, cresce por volta de 20% ao ano e comercializa para o Brasil inteiro.

 

Almeida teve que trabalhar muito para convencer o banco de que o negócio traria retorno, e realizou seis meses de pesquisas sobre o mercado a fim de elaborar o Plano de Negócios. “Os bancos vendem dinheiro, é o comércio deles. A partir do momento que você mostra para ele a viabilidade do negócio, os riscos inseridos, e ele confia, ele financia”, diz. O empresário conseguiu financiar o valor em 72 meses e disse que ainda está pagando as prestações, mas o retorno que a empresa já alcançou permitiria até quitar o valor se fosse conveniente.

 

Com a história de Almeida é possível entender que não basta ter uma boa ideia para conseguir um financiamento, é necessário desenvolver um Plano de Negócios, pois é ele que vai dar credibilidade e convencer o banco de que vale a pena financiar. Isso porque no Plano o empresário vai avaliar itens como demanda, custos, lucro e capital necessário, o que vai impedir a empresa de fechar logo depois de sua abertura.

 

O Plano de Negócios deve ter o mapeamento do negócio, com informações sobre a empresa e seus produtos, a estratégia para angariar os lucros e a projeção financeira do negócio. Veja um modelo aqui. E o mais importante é pesquisar. Apesar de simpatizar com a área e ter experiência como químico, Almeida fez um curso para empresários e buscou todas as informações antes de abrir a empresa.

 

“Eu comecei a buscar o que produzir, o que o mercado queria (…). Fiz o plano para saber o investimento, o capital de giro de no mínimo seis meses. Quando você faz o plano tem que levar em consideração tudo o que precisa para a empresa funcionar, inclusive os próprios funcionários”, afirma.

 

Conseguir um empréstimo é bem difícil, apesar da Selic (taxa básica de juros) estar atualmente em 12,5%, e é ainda mais complicado conseguir lucros logo de cara para conseguir pagar o empréstimo. Sem oferecer garantias reais, como bens, você não vai conseguir empréstimos.

 

É essencial pesquisar muito, para analisar se o investimento não está acima do que você está pensando, e lembrar que você tem contas fixas em casa para pagar mensalmente. O ideal é que você procure um banco onde já tenha histórico ou bom relacionamento como pessoa física, ou até começar a empresa e, depois de alguns meses, pedir o empréstimo.

 

“Na vida de micro e pequeno empresário tem que se preparar, gostar muito do que faz e ter determinação (…). Quando você gosta do que faz e acredita, essa mudança de empregado para patrão é imediata. O empreendedorismo está em todos nós, até para casar a gente precisa se vender”, diz Almeida.

 

Gostou do depoimento do empresário e decidiu abrir o seu próprio negócio? Na Catral você encontra os melhores produtos para equipar a sua loja, com qualidade e ótimos preços. Um deles é essa impressora!

Impressora Fiscal Térmica 2100THFI Preta Bematech
Por: R$ 1.949,00 à vista
ou 10x de R$ 194,90 iguais sem juros
Pagamento no Boleto: R$ 1.851,55 à vista

 

Confira outros produtos no nosso site: http://www.catral.com.br/.
Zé Catral

Fonte:  G1 Economia.
Foto: Divulgação.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 8 de janeiro de 2013.

Busca
Mais consultados
Conheça o nosso site
Vídeos
Curta nossa Fanpage
Siga-nos no Twitter
Ofertas exclusivas por e-mail