Comentários [0]

Abrir uma loja de produtos orgânicos atualmente pode ser uma das grandes oportunidades de negócio, pois esse é um mercado que vem crescendo cerca de 30% ao ano e sem falar que o Brasil é hoje o segundo maior produtor de produtos orgânicos do mundo e 75% dos produtos brasileiros são exportados para outros países. Um dos grandes problemas de iniciar nesse mercado é, simplesmente, o preço dos produtos orgânicos que acaba sendo um pouco acima dos outros produtos, porém ao final desse artigo eu irei destacar uma reportagem mostrando como empreendedores conseguiram montar uma loja de produtos orgânicos cobrando pouco pelos alimentos.

 shutterstock_107573939

Como montar uma loja de produtos orgânicos?

Não existem grandes mistérios quanto a isso, mas é preciso se atentar a alguns detalhes de suma importância para conseguir montar uma loja de produtos orgânicos com eficiência. O primeiro deles consiste em encontrar um local que possa ser de fácil acesso e que chame atenção do público alvo consumidor, então ele pode ser próximo à feira livre municipal ou em áreas de comércio em sua cidade, de modo que o seu público consumidor esteja sempre por perto.

Além disso, existe um fator muito importante para que sua loja funcione corretamente, que é a legalização do negócio. Portanto, procure o auxilio de um contador especializado para lhe ajudar no processo de formalização da nova loja, obtendo assim o registro na junta comercial, obtenha seu CNPJ, o alvará de funcionamento da prefeitura e a licença da vigilância sanitária para comercializar produtos alimentícios.

Fornecedores de produtos orgânicos

Muitos iniciantes podem estar querendo saber o que vão vender em uma loja de produtos orgânicos e o certo é que dá para vender muitos tipos de coisas à base orgânica. São produtos como frutas, verduras, legumes, grãos, bebidas orgânicas e até mesmo produtos de beleza! Tudo o que você precisa é saber organizar a sua loja para disponibilizar a maior diversidade possível de produtos de qualidade para o público consumidor.

Naturalmente os seus fornecedores serão pessoas que trabalham com o cultivo de produtos orgânicos em sua região ou mesmo em outras localidades. Essas pessoas, geralmente, têm grandes plantios de produtos diversos em uma área rural e fornecem para lojas de produtos orgânicos, sacolões, supermercados e donos de barracas em feiras livres. Com isso, você poderá firmar um contrato de compra e receber produtos 2 ou 3 vezes por semana na sua loja.

Quanto custa abrir uma loja de produtos orgânicos?

Para montar sua loja de produtos orgânicos será preciso se organizar e planejar os gastos que terá para iniciar tudo isso. A verdade é que tudo dependerá do tamanho desejado para a loja e de outros fatores básicos, mas saiba que é possível iniciar com um investimento entre R$ 25 e R$ 90 mil. Alguns grandes empreendedores chegam a aplicar mais de R$ 1 milhão em um negócio de grande porte no ramo de produtos orgânicos (como você verá no vídeo logo a seguir), porém é possível começar de forma simples e mesmo assim ter um bom faturamento mensal.

Em uma pequena loja de produtos orgânicos, você precisará apenas de prateleiras para estocar produtos, expositores para produtos, balcões grandes, investirá na decoração, organização e ventilação do ambiente, comprará caixas para transporte dos produtos e outros detalhes a mais.

Divulgação de uma loja de produtos orgânicos

Mesmo sendo um mercado quente atualmente, você poderá encontrar algumas dificuldades no inicio para conseguir clientes, pois as pessoas ainda não conhecerão sua loja. De qualquer forma, existe a possibilidade de investir em uma boa divulgação usando os próprios recursos da sua região, como rádio, jornais, carros de som, internet ou algo do tipo e atingir aquele público que vai se tornar seu cliente.

Uma boa estratégia para você que está buscando dicas de como montar uma loja de produtos orgânicos é promover um evento nesse ramo antes da abertura da loja. Você pode, por exemplo, realizar um encontro em um espaço em sua cidade, com palestras sobre a importância do consumo de produtos orgânicos e com isso é possível anunciar a abertura da sua loja dentro de alguns dias na região. Divulgue bastante durante alguns dias que antecedem a inauguração da loja e atraia assim a maior quantidade possível de pessoas, sendo que aquelas que estavam no evento realizado por você, estão muito mais propensas a se tornar suas clientes!

Loja de produtos orgânicos dá dinheiro? Vale a pena?

No geral, com uma loja de produtos orgânicos pequena é possível faturar cerca de R$ 20 mil por mês em sua cidade, portanto é um negócio que eu acredito muito e que vale a pena ser investido atualmente, principalmente se você já gostar dessa área.

Screenshot_3 Balança Eletrônica 30 Kg Preta Prix 6 WEB Toledo
Por: R$ 4.999,00 à vista
ou 10x de R$ 499,90 iguais sem juros
Pagamento no Boleto: R$ 4.749,05 à vista

Fonte: montarumnegocio.com.

Confira outros produtos no nosso site: www.catral.com.br.
Zé Catral

Foto: Divulgação.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 9 de outubro de 2014.

Comentários [0]

Se você procura uma franquia de açaí barata para montar em sua cidade, veja algumas sugestões, dicas e opções de franquias para investir.

Não é atoa que o açaí é um dos produtos mais consumidos pelos brasileiros e devido ao grande sucesso que ele faz em praticamente todas as regiões, se tornou muito viável montar um espaço próprio para venda de açaí ou mesmo investir em uma franquia específica do ramo.

 frozen-acai-granola

Local para montar uma franquia de açaí

Antes de qualquer coisa você precisará se atentar ao local onde pretende montar sua nova franquia. O ideal em todo caso é que sua cidade tenha no mínimo 60 mil habitantes para se iniciar uma franquia de açaí, visto que em cidades muito pequenas você poderá não obter os resultados que tanto almeja. Bons locais para instalar sua franquia podem ser no centro da cidade, nas proximidades de escolas, áreas esportivas ou mesmo em um bairro que tenha uma boa circulação de pessoas, focando sempre em ruas principais.

Além das franquias de lojas, você poderá optar por montar uma franquia de quiosques, já que esse é um modelo de negócio que vem se popularizando no Brasil, no entanto só é viável investir em um quiosque desse tipo quando se encontra um local propício para o negócio, como praças ou shoppings bem movimentados.

Dicas de franquias de açaí baratas

Encontrar uma boa franquia de açaí para investir é algo que já está se tornando comum no nosso meio, mesmo esse ainda sendo um mercado novo e que vem crescendo no Brasil, confira alguns exemplos de franquias exclusivas que trabalham com açaí para que você possa analisar e quem sabe até se interessar para montar aí em sua cidade:

#1: Franquia Açaí no Ponto

Se você procura uma franquia de açaí para montar, então saiba que essa é uma das melhores franquias desse segmento. Uma das maiores vantagens dessa franquia é que ela oferece variedades de opções para você que deseja empreender na venda de açaí, portanto é possível escolher entre 4 modelos de quiosques (que variam entre 1 m² a 8 m²), você também poderá optar por uma loja ou por um quiosque móvel de açaí.

O investimento varia de acordo ao tipo de negócio que você desejar montar, mas geralmente ficará entre R$ 91 e R$ 220 mil Reais para ser um franqueado da empresa Açaí no Ponto. Se você quiser saber mais detalhes sobre a franquia, poderá visitar o próprio site da empresa (www.acainoponto.com.br) e solicitar um orçamento mais completo a respeito do seu modelo desejado.

#2: Franquia Rede Açaí

Esse é um outro modelo de franquia de açaí que você pode montar atualmente. Ela é baseada em lojas exclusivas para venda de açaí, proporcionando assim um ambiente descontraído e agradável para as pessoas que adoram tomar um bom açaí, portanto se você ainda não tem uma franquia definida, poderá analisar o que a Rede Açaí tem a lhe oferecer. Se tratando de investimento, você terá que investir entre R$ 105 e R$ 150 mil Reais e a taxa de franquia é de R$ 40 mil Reais, então no máximo você vai investir R$ 190 mil Reais para ter uma franquia de açaí em funcionamento.

#3: Franquia Açaí Beat

Uma franquia de açaí barata para montar atualmente é a Açaí Beat, que exige um investimento em torno de R$ 94 mil Reais e promete ser um dos grandes nomes nesse mercado. Além de ser uma opção de franquia acessível, você terá total suporte na escolha do seu ponto comercial, projeto arquitetônico e apoio na montagem em geral desse novo empreendimento, então é uma opção interessante e que vale a pena ser analisada. Mais informações você poderá obter diretamente no site da franquia (www.acaibeat.com.br/franquia), assim também como a opção para efetuar o seu cadastro online.

#4: Franquia de açaí Toca do Açaí

O nosso último exemplo de franquia no ramo de açaí é a Toca do Açaí. Essa empresa atua basicamente de 3 formas, que é através de uma loja variando de 60 m² a 150 m², quiosque de 7 m² e o quiosque de 4 m². Portanto você poderá escolher o modelo desejado para trabalhar, com um investimento variando entre R$ 90 e R$ 245 mil Reais.

Franquia de açaí dá dinheiro? Vale a pena montar?

Até aqui, procuramos mostrar exemplos de franquias de açaí que fazem um grande sucesso e que você poderá montar em sua cidade hoje em dia, no entanto uma das grandes dúvidas dos novos empreendedores é com relação à lucratividade que tudo isso pode lhe proporcionar. O certo é que uma franquia de açaí dá dinheiro sim e um bom exemplo disso é a própria Toca do Açaí, que tem um faturamento médio mensal na faixa dos R$ 55 mil Reais.

Dessa forma, podemos ver claramente que trata-se de um negócio lucrativo e que acreditamos valer muito a pena para novos empreendedores que estão procurando uma oportunidade inovadora.

Screenshot_3 Freezer Horizontal Dupla Ação 2 Portas 419L Chest DA420 Metalfrio
Por: R$ 2.179,00 à vista
ou 10x de R$ 217,90 iguais sem juros
Pagamento no Boleto: R$ 2.070,05 à vista

Fonte: montarumnegocio.com.

Confira outros produtos no nosso site: www.catral.com.br.
Zé Catral

Foto: Divulgação.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 30 de setembro de 2014.

Comentários [0]

Por mais que a comida brasileira seja uma das mais admiradas do mundo, os sabores predominantes em outros países também tem seu espaço aqui no Brasil e a comida japonesa é um deles, então veja como montar um restaurante japonês em sua cidade!

shutterstock_181495325

Os restaurantes desse tipo não farão sucesso apenas em cidades brasileiras onde exista uma maior concentração de japoneses ou descendentes morando aqui no Brasil, pois até mesmo em cidades de pequeno porte é possível encontrar pequenos restaurantes desse tipo, então se esse for o seu caso, continue lendo e veja os detalhes desse modelo de empresa.

Local ideal para montar um restaurante japonês

Você que chegou até aqui querendo aprender como montar um restaurante japonês, precisará se atentar desde o inicio a um dos fatores mais importantes, que é a escolha do ponto comercial. Basicamente um restaurante de comida japonesa é como uma pizzaria, sendo que os clientes não irão frequentar todos os dias como em um restaurante tradicional, mas sim em alguns momentos alternados, então opte por locais onde se tenha uma boa circulação de pessoas, que tenha estacionamento fácil, podendo ser em bairros residenciais ou em ruas bem movimentadas do centro da cidade.

Quanto ao espaço interno, procure se instalar onde seja amplo para conseguir oferecer a melhor comodidade possível aos seus clientes. O restaurante precisará ter um espaço grande para colocar mesas e cadeiras, uma cozinha, um pequeno estoque, banheiros e se for necessário monte também um pequeno escritório no local para cuidar da parte administrativa do negócio.

Como montar um restaurante japonês?

Todo negócio precisa ser devidamente legalizado para começar atuar e quando se trata da venda de produtos alimentícios, a parte burocrática costuma ser ainda mais requisitada. Por isso, a minha indicação é que você procure desde o inicio uma contabilidade para iniciar o processo de formalização, obtendo assim o CNPJ, o alvará de funcionamento da prefeitura municipal, do corpo de bombeiros e a licença da vigilância sanitária para começar comercializar a comida japonesa no seu estabelecimento comercial.

A organização interna deve ser um dos fatores mais importantes visando o sucesso do seu restaurante, então foque em um ambiente limpo, com uma decoração básica e de uma maneira que deixe os clientes sempre muito a vontade. Contrate alguns funcionários para preparar os pratos e garçons para oferecer o melhor atendimento possível à clientela, focando assim em um restaurante de qualidade que possa se tornar uma novidade em sua cidade, já que a comida japonesa vem sendo cada dia mais procurada pelos brasileiros.

Cardápio japonês para oferecer em seu restaurante

Uma grande parte das comidas japonesas são compostas por peixe ou carne crua, porém existem muitos outros tipos de pratos da culinária japonesa que podem ser preparados para disponibilizar em seu novo restaurante. Dentre as frituras você poderá oferecer o Korokke, Tempura e o Tonkatsu, também é possível vender alimentos grelhados, cozidos, Sushi e vários outros tipos de produtos tipicamente japoneses. Não se esqueça de criar cardápios bem detalhados com os ingredientes que compõe cada prato, bebidas vendidas em seu restaurante e tudo mais, pois muitas pessoas que frequentam um restaurante japonês não conhecem totalmente esses alimentos.

Equipamentos para restaurante japonês

Você que está procurando mais informações sobre como montar um restaurante japonês, precisará investir também na compra de alguns equipamentos básicos para fazer seu negócio funcionar. Portanto, compre mesas e cadeiras, um balcão amplo para atendimento, freezers, geladeiras, Hashis (palitos), travessas, tigelas, barcos para comida japonesa, panelas, fatiadores, pegadores de comida e outros utensílios indispensáveis. Compre também um fogão industrial, assim como uma variedade de acessórios pequenos para lidar com a produção da comida japonesa.

Quanto custa montar um restaurante japonês?

Não tem como montar um restaurante japonês sem pensar no investimento necessário para começar trabalhar, pois esse é um típico negócio que exige um alto investimento. Tudo começa com o aluguel de um bom ponto comercial, legalização do negócio, compra dos equipamentos, todo o estoque inicial de produtos, contratação de funcionários e outros gastos inevitáveis para que seu negócio funcione de forma muito correta. Com isso, o investimento médio ficará entre R$ 30 e R$ 150 mil Reais para abrir um restaurante japonês com uma estrutura adequada em sua cidade.

Restaurante japonês dá dinheiro? Vale a pena?

Uma das maiores duvidas de quem chega até aqui a procura de dicas de como montar um restaurante japonês é com relação à lucratividade desse negócio. Lógico que você não vai atingir altos resultados e nem tantos clientes como em um restaurante de comida popular, porém mesmo assim a margem de faturamento com comida japonesa costuma ser muito boa.

Aqui mesmo na minha cidade foi montado a pouco tempo um pequeno restaurante de comida japonesa e ele chama muita atenção, tendo sempre uma boa clientela e algo que eu pude perceber que me deixou muito contagiado pelo ambiente do restaurante é que todos os funcionários trabalham caracterizados, ou seja, eles usam roupas e acessórios tradicionais do Japão para proporcionar um ambiente ainda mais associado.

Screenshot_2 Freezer Horizontal Dupla Ação 2 Portas 546L DA550B Metalfrio
Por: R$ 2.399,00 à vista
ou 10x de R$ 239,90 iguais sem juros
Pagamento no Boleto: R$ 2.279,05 à vista

Fonte: montarumnegocio.com.

Confira outros produtos no nosso site: www.catral.com.br.
Zé Catral

Foto: Divulgação.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 25 de setembro de 2014.

Comentários [0]

Os serviços delivery estão sendo cada vez mais requisitados no mercado brasileiro e uma boa opção atualmente é aprender como montar uma pizzaria delivery em sua cidade.

shutterstock_189270209

Naturalmente a pizza é um alimento que agrada uma grande quantidade de pessoas e, justamente por esse motivo os negócios nesse ramo costumam gerar ótimos resultados, independente do tamanho da pizzaria ou do modelo de venda adaptado por ela, então se o seu desejo é oferecer entregas em domicílio, saiba que uma pizzaria poderá ser uma das melhores oportunidades para seguir.

Pesquisa e planejamento para uma pizzaria delivery

Esse é um típico negócio como qualquer outro, então é necessário fazer sempre uma pequena pesquisa de mercado antes de dar os primeiros passos. A minha dica é que você comece avaliando se em sua cidade existe uma boa procura por pizzas, converse com as pessoas e veja se elas tem interesse no serviço delivery, tenha uma noção de quem serão seus principais concorrentes e chegue assim a conclusão se vai ou não investir nesse modelo de negócio. Após isso você poderá montar um plano de negócios para ter um controle maior sobre sua pizzaria e comece se preocupar com as questões estruturais da nova empresa.

Quais serão os tipos de pizzas oferecidas em sua pizzaria? Essa é outra questão a ser planejada nesse inicio, então aproveite e já vá criando seu próprio cardápio. Pense no diferencial que você poderá oferecer a sua clientela e decida se vai trabalhar apenas com a entrega ou também com a venda no local. Esse será um detalhe crucial, porque se o seu objetivo é saber como montar uma pizzaria delivery apenas para fazer entregas, o seu espaço de trabalho poderá ser menor e focar apenas na produção para entrega, deixando de lado o atendimento no local, porém tudo vai depender do seu objetivo e o melhor em todo caso é diversificar ao máximo as suas formas de venda!

Como montar uma pizzaria delivery?

Os empreendedores que chegam até aqui procurando informações sobre como montar uma pizzaria delivery não podem se esquecer em momento algum da importância que um bom ponto comercial tem para um negócio se tornar bem sucedido, portanto dedique um tempo apenas para pesquisar em sua cidade e tentar encontrar um bom local para se instalar, podendo ser no centro da cidade, em ruas bem movimentadas ou mesmo em um bairro específico, mas que tenha sempre uma boa presença de pessoas no local. Veja também as condições de estacionamento e a segurança para proporcionar satisfação aos seus clientes.

O espaço interno em si precisa ser suficiente para produzir as pizzas, receber os clientes e ainda trabalhar com o serviço delivery sem atrapalhar em nada o funcionamento tradicional da pizzaria.

Funcionários para uma pizzaria delivery

Certamente não tem como montar uma pizzaria delivery sem contratar alguns colaboradores, já que você sozinho não dará conta de todo o trabalho do dia a dia e por se tratar de um negócio amplo nesse segmento, é necessário se preocupar com o bom atendimento, agilidade na entrega das pizzas, produção rápida dentro da pizzaria e uma série de outras coisas fundamentais. Dentre os profissionais você vai precisar de pizzaiolos, garçons, moto boys para entrega de pizzas, uma pessoa para ficar no bar, uma responsável pelo atendimento por telefone e o caixa da pizzaria, assim como limpadoras para cuidar da parte de limpeza do ambiente.

Quanto custa montar uma pizzaria delivery?

Esse processo de como montar uma pizzaria delivery exige muitos gastos, sejam eles pequenos ou grandes, mas o certo é que ao final das contas você precisará investir uma boa quantia, que vai variar entre R$ 30 e R$ 150 mil Reais, pois tudo vai depender da sua estrutura desejada para o negócio. Geralmente esse capital será gasto com o aluguel do ponto comercial, compra de equipamentos para a cozinha, mesas e cadeiras, freezers, investir na decoração do espaço, compra de motos para entrega de pizzas, terá gastos com a legalização da pizzaria e uma diversidade de outros pequenos gastos indispensáveis.

Clientes e divulgação de um delivery de pizzas

O mais legal desse tipo de negócio é que você terá dois tipos de públicos predominantes, que serão aquelas pessoas que querem apenas sair para frequentar uma boa pizzaria, como também as pessoas que preferem se reunir em casa e pedir uma pizza, então com isso você praticamente domina o seu mercado em sua cidade e aumenta ainda mais o nível do seu negócio, mas lembre-se que o segredo para ter muitos clientes é oferecer um serviço de qualidade, produtos incríveis e proporcionar a melhor comodidade possível para seus clientes, de modo que eles se sintam muito bem tanto na sua pizzaria quanto ao receber uma pizza em casa.

Investir em uma boa divulgação também é algo indispensável para quem procura dicas de como montar uma pizzaria delivery, principalmente no inicio do negócio que é quando você ainda não tem um grande destaque no seu segmento. Para isso utilize os anúncios em um programa de rádio, em pequenos jornais locais, distribuição de panfletos ou algo do tipo, já que o importante é conseguir chegar diretamente ao seu público alvo.

Montar uma pizzaria delivery dá dinheiro? Vale a pena?

Quanto à lucratividade, não podemos negar que uma pizzaria é algo que dê um bom dinheiro, pois o simples fato de ser um tipo de alimento adorado por muitos brasileiros já faz com que as vendas sejam sempre muito boas. Portanto se você deseja saber se uma pizzaria delivery dá lucro ou não, saiba que dá muito dinheiro sim e se você trabalhar tanto com a entrega quanto com a venda no local, as chances são que sua margem de lucro aumente de uma maneira ainda mais interessante.

Screenshot_1 Forno Turbo a Gás Ciclone com 10 Esteiras FCDT10 Venâncio
Por: R$ 5.579,00 à vista
ou 10x de R$ 557,90 iguais sem juros
Pagamento no Boleto: R$ 5.300,05 à vista

Fonte: montarumnegocio.com.

Confira outros produtos no nosso site: www.catral.com.br.
Zé Catral

Foto: Divulgação.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 23 de setembro de 2014.

Comentários [0]

As franquias de produtos naturais e orgânicos vêm se destacando no mercado brasileiro e se você quer investir nesse segmento de negócio, saiba que eu preparei algumas sugestões para lhe ajudar!

 shutterstock_215828725

Vale sempre a pena ressaltar que o mercado de franquias no Brasil é muito amplo e além de contar com empresas já renomadas no mercado, você poderá encontrar várias e várias franquias novas que estão surgindo agora, portanto é fundamental fazer uma análise, buscar mais informações e se preparar realmente antes de adquirir uma franquia desse tipo.

Confira alguns exemplos de franquias de produtos naturais e orgânicos que podem lhe atender muito bem nesse momento. Você vai encontrar questões como o investimento inicial para cada franquia, prazo de retorno desse investimento e várias outros detalhes importantes!

#1: Franquia DNA Natural

Essa é uma das franquias de produtos naturais mais procuradas do mercado, pelo fato de ser considerada a maior rede de Fast Food saudável do Brasil, e não é atoa que atualmente ela já conta com cerca de 60 unidades franqueadas em funcionamento nas mais variadas regiões, então veja algumas detalhes a mais sobre a franquia DNA Natural:

Taxa de franquia: R$ 35 mil Reais

Instalações: De R$ 200 a R$ 300 mil Reais

Capital de giro: De R$ 15 a R$ 20 mil Reais

Área para atuação: A partir de 45 m²

Propaganda: 2,5% sobre o faturamento bruto

Royalties: 5% do faturamento bruto

Faturamento médio: Cerca de R$ 110 mil Reais

Retorno: De 24 a 36 meses

#2: Franquia Nação Verde

O foco principal dela é a venda de produtos extraídos da natureza, então é algo muito interessante e que poderá ser ideal para instalar em sua cidade:

Investimento total: A partir de R$ 98 mil Reais

Área da franquia: A partir de 40 m²

Retorno: 24 meses

#3: Franquia Via Verde

Essa é uma empresa que está no mercado desde 1998, porém inaugurou o seu sistema de franquias há pouco tempo e mesmo assim o crescimento do negócio tem sido muito repentino, principalmente por atuar nesse segmento de produtos naturais. Então para você que está procurando franquias de produtos naturais para investir, poderá analisar melhor essa oportunidade, entrar em contato e verificar de perto o que ela poderá lhe oferecer de interessante:

Investimento total: A partir de R$ 230 mil Reais (Já incluindo a taxa de franquia, montagem e estoque inicial).

Área para atuação: A partir de 50 m²

Retorno: De 24 a 30 meses

Royalties: 4% do faturamento bruto

Publicidade: 1% do faturamento bruto

#4: Franquia Ponto Natural

Essa é uma empresa muito completa no mercado e o mais legal é que ela oferece uma diversidade grande de produtos light, Diet, produtos sem lactose, sem Glúten, alimentos orgânicos, trabalha também com a venda de presentes, livros e muito mais. Além disso, ela está a mais de 26 anos no mercado e oferece total suporte para seus franqueados, então se você está pensando em abrir uma franquia de produtos naturais, saiba que a Ponto Natural poderá ser uma excelente opção!

Investimento inicial: De R$ 165 a R$ 285 mil Reais

Capital de giro: De R$ 30 a R$ 50 mil Reais

Área para trabalho: A partir de 55 m²

Retorno: De 24 a 36 meses

Royalties: 4% sobre o faturamento

Publicidade: 1% sobre o faturamento

#5: Franquia DNA Empório

Essa empresa está a 3 anos no mercado e iniciou seu sistema de franquias bem recente, mas mesmo assim já conta com 2 franquias em funcionamento no Brasil. O foco dela é oferecer comida saudável a base natural para seus clientes, então é possível encontrar produtos como grãos, frutas secas, barras de cereal, suplementos, chás e muitos outros itens. Veja também alguns detalhes a mais sobre a DNA Empório que é uma das mais novas franquias de produtos naturais no mercado:

Taxa de franquia: R$ 25 mil Reais

Instalações: De R$ 120 a R$ 150 mil Reais

Capital de giro: R$ 30 mil Reais

Royalties: 4% sobre o faturamento

Propaganda: 1% sobre o faturamento

Faturamento médio: R$ 110 mil Reais por mês

Retorno: 24 meses

Para obter mais informações e preencher o formulário de interesse pela franquia, você poderá visitar o site oficial da DNA Empório (www.dnaemporio.com.br) e solicitar o contato diretamente com um representante.

Franquias de produtos naturais é uma boa opção? Vale a pena?

Você já deve ter notado que a quantidade de pessoas consumindo produtos naturais e orgânicos vem crescendo de uma forma muito rápida em todos os cantos do Brasil, então com isso podemos chegar à conclusão que vale a pena investir em uma franquia do tipo ou simplesmente montar uma casa de produtos naturais própria. O sistema de franquias, na verdade, é apenas mais uma opção que você tem para iniciar o negócio e ter um nome já consolidado no mercado, mas com certeza vale a pena adquirir uma franquia do tipo.

De todo modo, é importante que você faça uma analise em sua cidade para só depois dar os primeiros passos no processo de instalação de uma loja do ramo natural, então procure verificar quais são os produtos mais consumidos, veja o que as pessoas mais procuram em sua região, quais são as lojas que já estão em funcionamento, aproveite para conversar diretamente com potenciais consumidores desses produtos e tenha uma visão geral do mercado. Portanto eu espero que você tenha gostado das minhas dicas sobre franquias de produtos naturais e orgânicos, mas agora cabe a si próprio dar os próximos passos!

Screenshot_4 Impressora Fiscal Térmica 2100THFI Preta Bematech – Atende a todos os Estados exceto SP
Por: R$ 1.899,00 à vista
ou 10x de R$ 189,90 iguais sem juros
Pagamento no Boleto: R$ 1.804,05 à vista

Fonte: montarumnegocio.com.

Confira outros produtos no nosso site: www.catral.com.br.
Zé Catral

Foto: Divulgação.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 18 de setembro de 2014.

Comentários [0]

Com a chegada das novas estações as pessoas mudam seus hábitos e a alimentação, e algumas lojas se preparam para atender seu público com produtos diferenciados e atraentes. No outono/inverno aumenta o consumo por malharias, calçados reforçados, bebidas quentes, doces e caldos. Para aqueles que buscam por uma oportunidade de negócio, esta época pode oferecer algumas opções, acompanhe uma seleção com algumas delas.

 shutterstock_216214774

1. Chocolateria

Quando o clima esfria, logo sentimos a necessidade de ingerir alimentos calóricos como chocolate, que é rico em gordura e possui propriedades que estimulam a sensação de prazer no cérebro. Por isso a busca pelo alimento aumenta consideravelmente, e as chocolaterias saem lucrando muito, principalmente por conta da Páscoa.

Você pode optar por comercializar chocolates caseiros, bombons, trufas, bolos, e ovos de Páscoa, e ainda oferecer café e tortas doces no seu estabelecimento.

Você também pode optar por montar uma franquia no setor de chocolates. As franquias são modelos mais seguros de negócios e você ainda recebe apoio e suporte do franqueado.

2. Cafeteria

As cafeterias são bastante procuradas na época do outono/inverno. Os diversos tipos de café acompanhados por deliciosos quitutes e salgados, são um convite irresistível nesta estação. Estima-se que o consumo da bebida aumente pelo menos 30% durante esta época do ano. O custo para montar uma cafeteria gira em torno de 30 mil a 40 mil reais.

As cafeterias oferecem um ambiente charmoso e aconchegante, com salgados, lanches simples e doces. No verão o cardápio pode surgir com bebidas geladas à base de café e sorvetes, e driblar a sazonalidade. Algumas franquias do setor se tornaram muito famosas no mercado e vale a pena consultar os preços para se tornar franqueado caso não se sinta muito confiável.

3. Casa de chá

A casa de chá pode ser uma boa opção para pessoas que desejam iniciar um empreendimento numa época fria. As pessoas bebem menos água e compensam com o consumo de bebidas quentes. Este tipo de estabelecimento oferece vários tios de chás, terapêuticos, digestivos emagrecedores e muitos outros. E também acompanhamentos deliciosos como, bolos, tortas e biscoitos amanteigados. Mas também podem oferecer lanches, almoço e petiscos, tudo depende do plano de negócios.

O ideal neste caso é manter a coerência do cardápio relevante ao produto, para não acabar confundindo o cliente. As casas de chás também podem comercializar produtos como queijos, geleias e a própria matéria prima. O valor do investimento deverá variar de acordo com o projeto, mas deve ficar em torno de 20 mil a 30 mil reais.

4. Quiosque de Caldinho

Os caldos quentes como caldo verde, caldo de mocotó, caldo de feijão e outros tantos tipos de caldos, podem ser comercializados em quiosques. Eles acompanham bem alguns tipos de espetinhos e vinhos, e são uma ótima pedida para a estação. Se você está pensando em empreender neste inverno considere esta possibilidade. No verão o quiosque ainda poderá se manter com os espetinhos, salgados e bebidas em geral.

O custo com o investimento inicial costuma ser bem menor do que o custo com uma lanchonete convencional ou restaurante, mas não deve ser menor que 25 mil reais. O valor exato irá depender do projeto e do plano de negócios.

5. Doceria

As docerias são repletas de deliciosas tortas, bolos e sobremesas que satisfazem o paladar e suprem as energias necessárias no inverno, por isso são muito procuradas. Se você pretende montar um buffet de doces, bolos e tortas, esta é a estação mais apropriada pra você. Estude o mercado da sua cidade, crie um projeto, um plano de negócios e empreenda agora mesmo.

Caso não esteja muito confiante sobre se tornar um empreendedor, vale a pena procurar por algumas franquias do setor. As franquias são meios seguros de empreender.

6. Adega de vinho

O consumo de vinho praticamente dobra durante as estações mais frias do ano, e você não deve perder a oportunidade de empreender neste ramo. O investimento gira em torno dos 30 mil reais, e a localização deve ser a principal preocupação do empreendedor. Para implementar o negócio e garantir as vendas também em outras estações, convém criar um ambiente luxuoso e convidativo, com espaço para bar e restaurante. Neste caso o valor do investimento deverá dobrar, por isso faça um bom planejamento de negócio e pesquise exaustivamente sobre o ramo.

7. Queijaria

O aumento do consumo de queijos chega a 30% durante o período frio do ano, o que favorece uma boa margem de lucro aos fabricantes e revendedores do produto. Os principais fornecedores são os fabricantes de Minas Gerais, mas também encontra-se bons produtores no interior paulista. O custo com a abertura de uma queijaria pode chegar a aproximadamente 25 mil reais. O valor varia de acordo com o projeto.

Embora todas estas opções de negócios sejam lucrativas, você deve pesquisar bastante e criar um bom planejamento, contendo a logística, fornecedores, localização, estrutura e outros fatores importantes. Desejamos sucesso em seu empreendimento.

Screenshot_1 Máquina de Café Expresso Automática ECAM23.210SR Vermelha Delonghi
Por: R$ 2.599,00 à vista
ou 10x de R$ 259,90 iguais sem juros
Pagamento no Boleto: R$ 2.469,05 à vista

Fonte: franquiaempresa.com.

Confira outros produtos no nosso site: www.catral.com.br.
Zé Catral

Foto: Divulgação.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 16 de setembro de 2014.

Comentários [1]

O mercado nos oferece uma diversidade muito grande de negócios para abrir hoje em dia e cabe a cada um de nós pesquisarmos para definir qual a melhor opção a ser montada. De qualquer forma, algumas pessoas estão ainda na fase de pesquisa e planejamento, procurando assim boas ideias de negócios para abrir atualmente, então preparamos uma série de sugestões de negócios que podem lhe interessar muito. Basicamente são negócios que estão em alta no mercado e que tendem a gerar bons resultados independente do lugar.

shutterstock_197718245

#1: Bons negócios para abrir com produtos alimentícios

A venda de produtos alimentícios sempre será um mercado muito forte em todos os lugares do mundo, pelo simples fato que todos nós precisamos nos alimentar e naturalmente os alimentos chamam nossa atenção em qualquer lugar que estivermos. Independente se você pensa em vender espetinhos na rua ou montar um restaurante de luxo, saiba que as chances de sucesso são muito grandes na sua área escolhida. Existem alguns tipos de pequenos negócios nesse segmento que chamam muita atenção atualmente.

Bons exemplos disso é a venda de marmitex, restaurante self service, pizzaria delivery, lanches rápidos na rua, tapiocaria ou algo do tipo. Lógico que cada um desses modelos de negócios é destinado a um tipo de público e tem suas diferenças, mas se você procura ideias de bons negócios para abrir atualmente, saiba que eles podem se encaixar perfeitamente na sua necessidade.

 

#2: Bons tipos de lojas para abrir em 2015

O comércio de produtos diversos também tem bons negócios para abrir com uma forte tendência de sucesso, como é o caso das lojas de roupas, que mesmo tendo uma concorrência muito forte na maioria dos lugares, ainda é uma boa oportunidade para os novos empreendedores que querem atuar em uma área rentável. O certo é que para abrir uma loja de vendas será necessário alugar um espaço comercial, comprar prateleiras, vitrines, montar o estoque de produtos e uma diversidade de outras coisas.

O mais legal é que existem bons negócios para se abrir através de lojas e você não precisa apenas montar uma loja de roupas. Outras boas sugestões são as lojas de acessórios femininos, poderá montar uma loja de brinquedos, um espaço de peças intimas, abrir uma esmalteria também está em alta e tantos outros modelos de negócios baseados em lojas.

 

#3: Abrir uma pequena fabrica é um bom negócio

Talvez você nunca sequer pensou na possibilidade de confeccionar seus próprios produtos para venda, mas a verdade é que hoje esse tipo de atividade está muito acessível a qualquer pessoa e com o mínimo de habilidade você consegue montar uma pequena fabrica, produzir seus produtos com o auxilio de pequenas maquinas e assim ganhar o mercado de uma vez por todas. É assim que várias pessoas vêm fazendo hoje em dia e não se preocupe caso você tenha pouco dinheiro, pois muitas dessas pequenas fabricas são montadas a partir de casa e exigem o mínimo de investimento inicial.

 

#4: Montar um e-commerce é um bom negócio

Quem procura bons negócios inovadores para abrir, não poderá deixar de apostar no e-commerce, já que a venda de produtos pela internet é um dos negócios mais interessantes do momento O investimento para começar costuma ser muito menor que ao montar uma loja física, por exemplo, e a tendência de vendas é muito maior que o comércio tradicional, pois você estará disponibilizando seus produtos para clientes dos quatro cantos do Brasil.

Tudo o que você vai precisar para iniciar é escolher em qual ramo irá atuar, procurar firmar parcerias com empresas fornecedoras e criar assim sua loja virtual para expor os produtos. Atrairá pessoas através de anúncios em mídias pela própria internet e muitas pessoas procurarão sua loja também a partir do momento em que você ganhar certo destaque online, então é um negócio de ouro para os novos empreendedores. Algo ainda mais interessante no e-commerce tem sido o trabalho com Dropshipping, onde não é necessário montar um estoque de produtos e tudo vem de seus fornecedores em outros países como a China ou os Estados Unidos.

 

#5: Bons negócios para abrir no mercado infantil

Eu não poderia dar ideias de bons negócios para abrir sem falar de um dos mercados mais lucrativos do momento, que é o infantil. Negócios com o objetivo de atender crianças e adolescentes tem gerando bilhões de Reais por ano no Brasil e se você tem habilidades para lidar com os baixinhos, poderá sim investir em uma dessas alternativas para empreender por conta própria.

Basicamente os negócios vão desde a prestação de serviços até a diversão das crianças, então dá para escolher e investir para ter algo próprio em um nicho altamente crescente na maioria dos lugares.

 

Screenshot_1 Impressora Térmica de Código de Barras GC420 Zebra
Por: R$ 1.099,00 à vista
ou 10x de R$ 109,90 iguais sem juros
Pagamento no Boleto: R$ 1.044,05 à vista

Fonte: montarumnegocio.com.

Confira outros produtos no nosso site: www.catral.com.br.
Zé Catral

Foto: Divulgação.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 2 de setembro de 2014.

Comentários [0]

Dos anos 90 para cá as padarias vêm evoluindo tanto, que mal lembram aqueles pequenos comércios bairristas. Hoje em dia as panificadoras também podem servir lanches, sucos, sorvetes, produtos de conveniência, além de uma variedade infinita de pães, bolos, e doces.

Se você está animado com a ideia de ter uma panificadora, ou uma mini padaria  veja agora como montar uma padaria e aproveite as nossas dicas!

 shutterstock_154079093

Localização

É importante pesquisar a região onde se pretende montar uma panificadora, ou franquia de padaria e café.

O empreendedor deve analisar os imóveis disponíveis no bairro; o poder aquisitivo dos moradores; o número de padarias existentes na região, e a qualidade de produtos e atendimento oferecida por elas.

Dê preferência a locais com grande volume de veículos, pontos de ônibus, taxi, e fluxo constante de pessoas.

Estrutura

A estrutura básica de uma pequena panificadora exige-se uma área de 60 a 100 m² (de preferência com subsolo), dimensionada num projeto que alie praticidade, higiene rigorosa, espaço e local agradável para um atendimento diferenciado em relação aos concorrentes. Além disso, é bom lembrar que cuidados com iluminação e ventilação são imprescindíveis, e que a facilidade de acesso às prateleiras de mercadorias e aos frigoríficos são fundamentais.

Os equipamentos básicos são:

Fornos, amassadeiras, cilindros médio (para sovar a massa), batedeiras, modeladoras, divisoras de massas, utensílios para confeitaria, mini forno, assadeiras, mini modeladora, balanças, freezers, mesas com cadeiras, balcões, prateleiras, mesas de preparo.

Isso tudo, além é claro dos móveis, utensílios e equipamentos da administração (Computador, fax, etc..).

Uma padaria trabalha das 6:00 hrs. da manhã às 22:00 hrs. da noite, de domingo a domingo, inclusive feriados.

Algumas padarias de cidades grandes, trabalham até 24:00 hrs. por dia.

Atendimento

A relação entre balconista e freguês de padaria tem fama de harmoniosa e sadia, no entanto, estamos na era da internet e da entrega a domicílio, e se você é um empreendedor antenado, implantar um site da empresa pode ser uma grande sacada, pois acaba por conquistar e fidelizar o cliente.

Tipos de Padarias

Dependendo do local onde a sua padaria será instalada, você poderá oferecer produtos específicos para a sua região.

Padarias em locais de alto poder aquisitivo, podem oferecer produtos importados, vinhos, queijos, etc.

Padarias localizadas em área comercial podem oferecer fast food, rotisserie, bar, etc.

Padarias bairristas têm um serviço que oferece produtos de mercearia, como enlatados, achocolatados, além de lanches.

Por ser uma unanimidade, o pão é consumido em larga escala.

O pãozinho francês de sal de 50 g representa 50% dos produtos panificados elaborados.

No entanto, dependendo do grau de sofisticação do bairro em que vai ser instalada a padaria, o direcionamento e a personalização dos produtos oferecidos é uma necessidade.

É aí que entram os outros pães como as baguetes, os pães de forma, integrais, hot dogs, hambúrgueres, etc., produzidos em função da demanda local da panificadora.

Produção

Produza pouco e várias vezes ao dia, assim o produto estará sempre fresquinho, e agradará tanto o freguês mais antigo, quanto conquistará gostos diferentes.

Os horários sugeridos são: 1ª remessa às 5 horas; 2ª remessa às 9 horas; 3ª remessa às 12:20 h, 4ª remessa às 15:30 min; 5ª remessa às 17:30 min.

Para a 1ª remessa de pães ser vendida às 5 horas, o empreendedor precisa estruturar a equipe de funcionários de modo a concluir um revezamento de pessoal que garanta produtividade e evite desperdício.

Conforme o movimento e a clientela da padaria, o empreendedor pode remanejar estes horários e as quantidades de remessas.

A produção de pães em cada remessa varia de 350 a 700 unidades, de acordo com o movimento. O setor industrial da empresa deverá trabalhar em dois turnos de 8 horas cada, numa média mensal de 26 dias.

Algumas dicas para o sucesso do empreendimento:

Adquirir equipamentos modernos, capazes de produzir com alta qualidade e baixos custos operacionais, tornando seu produto competitivo no mercado;

Manter o padrão de qualidade e uniformidade do produto;

Observar os aspectos legais que envolvem o empreendimento, tais como registros e inscrições nos órgãos públicos pertinentes;

Preparar-se para a condução do negócio através do desenvolvimento de suas habilidades gerenciais e da formação dos seus funcionários.

Como enfrentar a concorrência

Para enfrentar a concorrência dos supermercados, padarias buscam alternativas.  O mercado de panificação está cada vez mais concorrido devido à mudança no perfil do consumidor, à entrada de novos empresários no setor entre outros motivos.

Houve também um aumento indiscriminado no número de padarias, às vezes com menos de 50 metros de distância entre cada uma em algumas regiões. A maior concorrência, no entanto vem dos supermercados, principalmente porque os pães são utilizados por esses concorrentes somente para atrair a freguesia e fazem isso com promoções especiais.

Abertura da empresa

Torna-se necessário tomar algumas providências, para a abertura do empreendimento, tais como:

Registro na Junta Comercial; Registro na Secretária da Receita Federal; Registro na Secretária da Fazenda; Registro na Prefeitura do Município; Registro no INSS;(Somente quando não tem o CNPJ – Pessoa autônoma – Receita Federal) e Registro no Sindicato Patronal.

O novo empresário deve procurar a prefeitura da cidade onde pretende montar seu empreendimento para obter informações quanto às instalações físicas da empresa (com relação à localização), e também o Alvará de Funcionamento.

Além disso, deve consultar o PROCON para adequar seus produtos às especificações do Código de Defesa do Consumidor (LEI Nº 8.078 DE 11.09.1990).

Algumas legislações que o futuro empreendedor deve ter conhecimento.

– LEI Nº 6.437/77 – Configura infrações à legislação sanitária federal, estabelece as sanções respectivas, e dá outras providências.

– DECRETO-LEI Nº 986/69 – Institui Normas Básicas sobre Alimentos.

– PORTARIA Nº 326/SUS/MS/97 – Aprova o Regulamento Técnico; Condições Higiênicas.

-Sanitárias e de Boas Práticas de Fabricação para Estabelecimentos Produtores/Industrializadores de Alimentos.

Para maiores informações consulte o site da ANVISA.

Screenshot_5 Masseira Basculante 5Kg Monofásica Bivolt ALI-05 C/IN Braesi
Por: R$ 1.499,00 à vista
ou 10x de R$ 149,90 iguais sem juros
Pagamento no Boleto: R$ 1.424,05 à vista

Fonte: franquiaempresa.br.

Confira outros produtos no nosso site: www.catral.com.br.
Zé Catral

Foto: Divulgação.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 7 de agosto de 2014.

Página 1 de 1212345...10...Última »
Busca
Mais consultados
Conheça o nosso site
Vídeos
Curta nossa Fanpage
Siga-nos no Twitter
Ofertas exclusivas por e-mail