Comentários [0]

O layout da loja, com seus elementos de comunicação, tem função vendedora para o lojista. Para os consumidores, se torna um importante aliado de decisão nas compras. Dessa forma, os estabelecimentos devem buscar maior visibilidade para aqueles alimentos que estão sendo alvo de escolhas que prestigiem saúde e bem-estar, pois essa é uma das tendências de consumo.

 Rotular alimentos

Nesta direção, a movimentação da indústria já começou. O setor está adequando seus produtos não só na composição dos alimentos, como também na comunicação das embalagens. Grandes redes varejistas estão adotando uma comunicação mais efetiva da funcionalidade dos alimentos a partir da exposição dos produtos e, nesse sentido, o pequeno varejo não pode ficar para trás.

Se saúde e bem-estar é tendência, resta ao pequeno varejo atentar-se para organizar o ponto de venda, sinalizando e comunicando de forma mais enfática a presença de alimentos com propriedades que melhoram a funcionalidade do organismo.

A influência do layout no processo de escolha

Recentemente, uma pesquisa publicada no American Journal of Preventive Medicine, que teve início em 2010, comprovou a influência das cores na escolha de alimentos. Durante dois anos, foram utilizadas as cores que sinalizam o trânsito de veículos e pedestres no layout de uma lanchonete de um hospital de Massachusetts.

Os alimentos foram rotulados com as cores vermelho (alto valor calórico), amarelo (demandam cuidado) e verde (alimentos saudáveis) e, devido a essa intervenção, os clientes passaram a consumir aqueles mais ricos em nutrientes. A experiência de rotular alimentos por seu valor calórico ajudou a aumentar o consumo de alimentos saudáveis em até 20%.

Seu mercado pode lucrar com isso. Dispor produtos saudáveis na mesma gôndola do mesmo produto “normal” mostra aos consumidores que você vende produtos saudáveis. Escondê-los em uma gôndola específica os deixam isolados e muitos clientes podem nem passar por eles.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 18 de junho de 2015.

Comentários [0]

Em busca de uma alimentação saudável, cada vez mais brasileiros tentam seguir uma dieta balanceada. A boa notícia para o varejo é que essas pessoas também estão dispostas a pagar mais por esses alimentos, e isso é ótimo para ajudar a elevar a rentabilidade de várias seções da loja. O problema é que muitos consumidores não sabem o que levar. Cabe aos supermercados orientar e ensinar esse público a consumir alimentos e bebidas mais saudáveis, além de criar ações de incentivo.

alimentos_saudaveis_supermercado

Se o espaço da loja permitir, reúna em um corredor produtos orgânicos e integrais industrializados. Caso contrário, uma alternativa é montar ilhas decoradas e usar gôndola de centro, como a Gôndola de Centro Inicial Versátil 1,65m VGCL16 Venâncio. Procure firmar parcerias com os fornecedores a fim de disponibilizar promotores para essa área. Eles podem ajudar a tirar dúvidas dos clientes e oferecer os produtos, além de ajudar na reposição dos produtos na Gôndola de Centro Inicial Venâncio.

Uma boa oportunidade são os chamados superalimentos. Eles são considerados dessa forma pelos nutricionais, pois oferecem mais benefícios à saúde do que a maioria dos produtos. Como vêm ganhando espaço na mídia, eles começam a ser mais procurados pelo público. Também nesse caso, vale a pena indicar a presença deles no supermercado. Alguns deles:

  • Amaranto
  • Chia
  • Goji Berry
  • Linhaça
  • Óleo de coco
  • Quinoa
  • Freekeh

Abasteça sua Gôndola de Centro Inicial VGCL16 Venâncio com esses superalimentos e boas vendas.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 20 de fevereiro de 2015.

Comentários [1]

A receita de hoje é ideal para chamar os amigos e curtir aquele churrasco! Vamos conferir?

 677x472_400

Ingredientes

1 pacote de Linguiça Toscana Apimentada Perdigão (1 kg)

1 ½ xícara (chá) de cachaça envelhecida (300 ml)

2 colheres (sopa) de Claybom Cremosa (26 g)

5 cenouras descascadas, cortadas em rodelas de 0,5 cm (700 g)

½ colher (sopa) de sal (4 g)

Modo de Preparo

Acenda a churrasqueira. Coloque a linguiça em um saco plástico e adicione 1 xícara (chá) de cachaça. Retire o máximo de ar que conseguir, para que toda a linguiça fique em contato com a cachaça, e deixe marinar por 1 hora.

Retire a linguiça e descarte a marinada. Coloque as linguiças em uma grelha dupla e leve para a churrasqueira já quente (sem chamas), a 40 cm de distância das brasas, deixando por 15 minutos de cada lado. Quando faltar dez minutos para a linguiça ficar pronta, esquente uma frigideira, adicione a Claybom e, em seguida, a cenoura. Refogue, mexendo por cerca de 3 minutos. Adicione o restante da cachaça na frigideira, afaste-se um pouco e, com cuidado, incline a frigideira em direção ao fogo, para flambar as cenouras. Assim que o fogo das cenouras apagar, retire do fogão e tempere as cenouras com sal e a salsinha. Sirva as linguiças cortando-as ao meio e sirva acompanhadas de uma porção de cenouras.

Rendimento:

4 a 6 porções como guarnição, ou 8 a 12 porções no churrasco

Tempo de preparo:

15 minutos

Dica:

O tempo da receita lhe dará uma cenoura com textura al dente (levemente cozida, mas com o miolo ainda um pouco duro). Caso prefira as cenouras mais macias, refogue-as por mais 4 minutos.- Para acender a churrasqueira: forre a churrasqueira com uma camada fina de carvão e prepare 16 rolinhos de jornal. Coloque metade deles em paralelo a uma das laterais da churrasqueira e os outros oito por cima, perpendiculares aos de baixo. Cubra com outra camada de carvão e despeje 5 tampinhas de álcool por cima, em diferentes pontos da churrasqueira. Jogue um fósforo aceso sobre o local e afaste-se imediatamente. Espere até a churrasqueira estar bem quente, com todo o carvão em brasa (cerca de 40 minutos).- Caso a linguiça ainda esteja congelada, descongele-a direto na cachaça adicionando mais 1 xícara (chá) de cachaça à marinada da linguiça.

Screenshot_5 Cervejeira 112L Preta Adesivada GRBA-120B Gelopar
Por: R$ 2.149,00 à vista
ou 10x de R$ 214,90 iguais sem juros
Pagamento no Boleto: R$ 2.041,55 à vista

Fonte: perdigao.com.br.

Confira outros produtos no nosso site: www.catral.com.br.
Zé Catral

Foto: Divulgação.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 3 de janeiro de 2014.

Comentários [0]

Depois do Natal, que tal agradar a família com um delicioso escondidinho de bacalhau gratinado com purê de batatas?

 66027_424373901004476_942385884_n

Ingredientes:

300g de batata inglesa

250g de bacalhau dessalgado, desfiado e cozido

1 colher de cebola picada

1 dente grande de alho picado

2 colheres (sopa) de azeite extra virgem

½ colher de sopa de manteiga

1 xícara (de café) de leite

2 colheres de queijo ralado

Sal e pimenta do reino (a gosto)

Modo de preparo:

Cozinhar as batatas já descascadas em água e sal por aproximadamente 15 minutos. Espremer as batatas em uma panela com manteiga, leite e sal e misturar até ficar homogêneo. Em outra panela, refogar o alho e cebola com azeite e, depois de dourar os ingredientes, incluir o bacalhau e mexer por dois minutos em fogo baixo.

Montagem do prato:

Cobrir com purê de batata a travessa e incluir por cima o bacalhau. Após, cobrir novamente com as batatas e polvilhar com queijo ralado e lascas de bacalhau a gosto. Leve ao forno por aproximadamente 10 minutos em fogo baixo ou até dourar. Sirva quente.

Screenshot_1 Jogo de Jantar 42 Peças APJ31-42 Hercules
Por: R$ 199,34 à vista
ou 6x de R$ 33,22 iguais sem juros
Pagamento no Boleto: R$ 189,37 à vista

Fonte: gnt.globo.com.

Confira outros produtos no nosso site: www.catral.com.br.
Zé Catral

Foto: Divulgação.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 30 de dezembro de 2013.

Comentários [2]

Batata frita é bom em qualquer lugar. Aproveite a nossa dica e adquira a sua fritadeira a gás Venâncio da Catral:

 Fritadeira_Catral

Características Gerais:

– Este modelo é a gás GLP e de ALTA PRESSÃO com capacidade para até 7 litros.

– Equipamento prático e com grande durabilidade.

– Cesto interno, podendo, opcionalmente, colocar 2 cestos.

– Corpo externo em aço inox 430.

– Cuba interna em alumínio repuxado.

Especificações Técnicas:

– Cesto: 2meia-lua (ou 1 grd.).

– Funcionamento: Gás.

– Capacidade: 7litros.

– Diâmetro: 440mm.

– Altura: 250mm.

– Consumo: 0,400kg/h.

– Peso: 3,320Kg.

– Garantia: 6 meses.

Screenshot_3 Fritadeira a Gás TGG Venâncio
Por: R$ 199,00 à vista
ou 6x de R$ 33,17 iguais sem juros
Pagamento no Boleto: R$ 189,05 à vista

Fonte: catral.com.br.

Confira outros produtos no nosso site: www.catral.com.br.
Zé Catral

Foto: Divulgação.

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 12 de novembro de 2013.

Comentários [0]

Existem hoje, no Brasil, cerca de 5.000 motéis que eles movimentam cerca de R$ 4 bilhões na economia nacional, e esse número deve chegar a R$ 15 bilhões até 2020. Vinícios Strazzabosco, diretor da Zeax Expertise em Motéis, empresa responsável pela divulgação desses números, alguns locais podem alcançar um crescimento de até 15% ao ano, com investimentos em serviço diferenciados. E, nesse mercado, investimentos em alimentação servem como trampolim para o sucesso.

“Um bom cardápio mostra o nível de serviço do motel e funciona como um diferencial competitivo.”, diz Vinicius. Para ele, a alimentação pode contribuir para a fidelização dos clientes, por ser um dos aspectos levados em conta pelos clientes na escolha do local. Normalmente, os motéis possuem um padrão comum aos restaurantes no fornecimento dos serviços de alimentação. Existe a tendência de motéis sofisticados contarem com chefs de cozinha, mas esses não chegam a 10% do mercado. Uma pena, já que a alimentação representa cerca de 15% do faturamento bruto de motéis.

Para Rafael Pacca, proprietário do Savana Motel, oferecer uma boa alimentação aos clientes é fundamental. A casa possui em seu cardápio pratos à la carte, proporcionando uma grande variedade de opções de alta qualidade, e oferece atendimento alinhado com os principais restaurantes do mercado. O Savana Motel possui ainda uma parceria com o chef João Roberto, premiado pelo Guia Quatro Rodas duas vezes, resultando na criação de um novo cardápio com 24 pratos. “Para agradar nossos clientes em potencial, os ingredientes utilizados nesse menu conferem sofisticação e requinte aos mais diversos pratos, chamando a atenção dos amantes da culinária para a riqueza de cores, sabores, aromas e texturas”, afirma Pacca.

Oferecer um bom cardápio é essencial para estender a estadia. Escolha pratos diferenciados, visando deixar o período mais especial para seus clientes. Para acompanhar os pratos, drinques, cervejas, refrigerantes e sucos, além de uma carta com vinhos, champanhes, uísques e licores, nacionais e importados. Uma ótima opção é promover festivais, oferecendo serviços diferentes em datas especiais. É interessante ficar atento aos pratos menos pedidos e, a cada três meses, trocá-los por pratos novos.

 
Zé Catral
 
Fonte: Food Service News
Foto: Divulgação

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 10 de setembro de 2012.

Comentários [0]

As massas frescas e instantâneas estão trazendo de volta o movimento para a seção de massas, que tem muito ainda a crescer no Brasil. Mesmo o país sendo o terceiro produtor mundial de massas, nosso povo ainda não se rendeu a enorme variedade de pratos possíveis de serem feitos com o macarrão. Dados da International Pasta Organization (IPO), o Brasil ocupa o18º lugar em consumo per capita do alimento, com 6,4 kg, enquanto a Itália, a primeira do ranking, consome 26 kg, e, nos EUA, o consumo alcança os 10 quilos per capita, o que comprova que ainda há espaço para crescimento de consumo no Brasil.

E o que não falta é estímulo. Com o aumento na renda dos brasileiros e seu valor, consideravelmente barato, as indústrias de massas no país começaram a inovar. Os fabricantes oferecem sabores inusitados e novas receitas, com a utilização de ingredientes que tornam os pratos mais gostosos e nutritivos. Também é notável o investimento em formatos e embalagens com pesos diferenciados, permitindo atender a um número cada vez maior de consumidores.

As parcerias entre fabricantes do alimento e supermercados é uma estratégia importante para fomentar o mercado e aquecer a venda, tanto do macarrão quanto dos ingredientes usados no cozimento do prato e acompanhamentos, onde entram molhos de tomate, creme de leite, queijos, frutos do mar, cogumelos e vinhos. Todos os produtos relacionados às massas podem lucrar com aumento no volume de vendas. Uma tática interessante é o supermercadista dispor, em parceria com o fabricante, receitas de massas nas gôndolas. O consumidor brasileiro, sempre atento às novidades, é estimulado a experimentar novas receitas, comprando o lançamento e os ingredientes oferecidos no ponto de venda.

As massas frescas, como o ravióli e o caneloni, representam o lado “gourmet” do produto e atrai consumidores sofisticados, que procuram receitas rápidas e práticas, por já conterem o recheio. Para facilitar a vida desses consumidores, posicione as bebidas para o acompanhamento, como vinhos, próximo ao alimento. Já as massas instantâneas agradam a todos os públicos, mas principalmente ao público infantil, por suas embalagens coloridas. Assim, é interessante colocar os pacotes nas gôndolas mais baixas para facilitar a visualização por parte dos pequenos consumidores.

Supermercadista atento fica de olho nas classes D e E, principais responsáveis pelo aquecimento nas vendas, após a redução de 9,25% das massas na alíquota PIS/Cofins no final de 2011. O prazo esgotou em junho desse ano, mas permitiu a redução dos preços, desde a produção até o consumidor final.

 
Zé Catral
 
Fonte: Revista Gôndola
Foto: Divulgação

Ofertas válidas somente para a data da publicação. Data: 30 de agosto de 2012.

Busca
Mais consultados
Conheça o nosso site
Vídeos
Curta nossa Fanpage
Siga-nos no Twitter
Ofertas exclusivas por e-mail